Na eminência da expulsão, Gilmar pede para sair

Na eminência de se ser expulso do partido, Gilmar Antunes pede sua desfiliação do PT. Desde a campanha eleitoral, em outubro último, depois de várias denúncias de descumprimento das resoluções do partido, quando muitas fotos e vídeos chegaram até o PT estadual, dando conta do engajamento de, alguns, petistas junto a campanha do PSDB, a saída dos envolvidos já se dava como certa. O que não se sabia era como ocorreria.

Os problemas começaram quando houve o afastamento, para concorrer às eleições de 2015, entre o PT e PSDB, principalmente a nível de município, onde petistas, com cargos no governo municipal, descumpriram a resolução da nacional e mantiveram-se ocupando esses cargos e, em alguns casos, trabalhando contra os candidatos do partido, apoiando candidatos do PSDB.

Com certeza a decisão de Gilmar deve ser acompanhada, principalmente, pelos que já sabem que correm risco de expulsão, pois pedir para sair, apesar de uma atitude tardia, ainda pode ser considerada honrosa, melhor que ser expulso.

Algum comentário?

%d blogueiros gostam disto: