Globo abre mão e CBF negocia venda do Brasileirão para o exterior

Hoje, o direito pertence ao canal Globo. No entanto, a emissora abriu mão a partir de 2019

Confederação Brasileira de Futebol (CBF) está negociando os direitos de transmissão do Brasileirão entre 2019 e 2022 para o exterior. De acordo com a coluna de Lauro Jardim no jornal “O Globo”, a concorrência será milionária e envolve TVs abertas e fechadas, além de serviços de streaming. A estimativa é que o valor desembolsado pelo vencedor ultrapasse os  R$ 500 milhões.

A CBF se reuniu com os clubes que representa para mostrar as oito propostas recebidas até o momento. Entre elas, a da IMG (que já comprou os direitos da Libertadores), Lagardère, MP & Silva e um consórcio de Alexandre Grendene, Caio Cesar Vieira Rocha e Patrícia Coelho. 

Hoje, o direito pertence ao canal Globo. No entanto, a emissora abriu mão a partir de 2019. 

POR NOTÍCIAS AO MINUTO

Imagem © pixabay

Algum comentário?

%d blogueiros gostam disto: