I ta mar!

O Vereador Itamar demonstra, a cada dia, a falta de conhecimento de causa e consequente inaptidão para ser um dos 15 componentes do Legislativo Municipal. Conduzido por tapinha nas costas de seus novos melhores amigos de infância, Itamar se atira as redes sociais como “burro no azevém”, são vídeos, fotos e áudios onde se comportando como um causídico, utilizando-se de termos jurídicos para tentar justificar suas escorregadas.

Dessa vez Itamar tenta se promover fazendo emenda ao orçamento para subvenção à Escola EFASIDRO, mesmo sabendo que isso não passa mais pelo crivo da Câmara, conforme preconiza o MROSC – Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil: Lei 13.019/2014, e conforme o ilustre vereador já deveria ter se informado. A subvenção continua valendo o que mudou foi a forma de gerência e de aplicação dos recursos.

Itamar confirma essas afirmações quando, em seu facebook, depois de desmentido faz a seguinte colocação “ logo fiz a emenda até mesmo para lembrar o prefeito do compromisso que ele tem com a entidade. Se vai fazer através de subvenção na lei do Marco Regulatório, ótimo o importante é que seja feito”. Não seria mais simples o vereador ir até a Prefeitura, telefonar, mandar um e-mail, um whats ou até uma carta  para lembrar o Prefeito sobre a EFASIDRO? Talvez sim, mas não teria material sensacionalista para publicar em seu face, arrastando consigo pessoas que ainda menos sabem sobre o assunto, mas que fazem questão de emitir cometários “sem comentários”.

Com o Marco Regulatório acabam os apadrinhamentos feitos por alguns parlamentares que se utilizavam de entidades para fazer política, emendando orçamentos para se passarem de bom samaritanos com subvenções que de praxe são repassadas, com ou sem a “ajuda” de emendas desses parlamentares.

 

 

Deixe sua opinião

Comentários

Algum comentário?

%d blogueiros gostam disto: