No “Mês da Mulher”, mais um caso de violência domestica e ameaça de morte

Na madruga desta terça-feira (13), por volta dás 02:12 hs, a Polícia Militar recebeu um chamado via 190, o qual informava o andamento de crime de violência doméstica, no qual um homem, após agredir, ameaçava de morte sua esposa. O fato estaria ocorrendo na Rua Angico, no Bairro Pé de Cedro.

A vítima relatou ter sido agredida com um soco no olho esquerdo e arrastada para a varanda da entrada da residência, onde continuou sendo agredida e a todo momento ameaçada de morte. Quando conseguiu fugir, levando os filhos, encontrou com a viatura da Polícia Militar, que ao se dirigir a residência da vítima acabou por encontrar o veículo do autor abandonado.

A vítima também informou que seu marido, autor das agressões e ameaças, também havia subtraído R$ 500,00 que estavam em sua bolsa.

Houve inclusive a ameaça de atear fogo a residência, o que levou ao deslocamento de uma viatura do Corpo de Bombeiros até o local.

Em diligência, momentos depois, a Polícia Militar acabou por localizar e capturar o autor, identificado como G.O.S de 46 anos de idade, que foi encaminhado para a DEPOL de Sidrolândia,  para que sejam tomadas providências legais.

G.O.S pode ser indiciado e responder por:

LESÃO CORPORAL DOLOSA (VIOLÊNCIA DOMESTICA) (Artigo 129 §9 do CP)
PORTE ILEGAL DE ARMA DE FOGO DE USO PERMITIDO (Artigo 14 do LEI Nº 10.826/03)
AMEAÇA (VIOLÊNCIA DOMESTICA) (Artigo 147 do CP)
FURTO (VIOLÊNCIA DOMESTICA) (Artigo 155 do CP)

Deixe sua opinião

Comentários

Algum comentário?

%d blogueiros gostam disto: