PSDB recebe lideranças de Comunidades Indígenas de todo o Município

reunião psdb 06O PSDB, representado por seu Presidente, o Prefeito Ari Basso, o Vice Prefeito Marcelo Ascoli e membros da executiva estadual, pelo Secretário do partido, Cesar Luiz Assman e pelo secretário de governo e membro da executiva municipal, Ilson Peres, reuniu-se, no inicio da noite de segunda-feira (17/08), com lideranças das comunidades indígenas de todo o município.

O encontro serviu para tratar e discutir vários assuntos e também para ouvir  reivindicações feitas por lideranças que representaram a  comunidade indígena. As autoridades Tucanas ouviram varios discursos feitos por lideres como Valcélio Figueiredo, João Deli, Maioque Figueiredo, Samuel Dias, Guilherme Gabriel, Aparecido Alves, Jurandir Gabriel, Professor Eliseu, Ana Batista e Manoelito Pereira.

As realizações são muitas, as demandas também, mas o verdadeiro gargalo para o desenvolvimento dessa comunidade é realmente a questão da agricultura familiar, item apontado pela grande maioria dos oradores indígenas.

Outro fator, colocado como prioridade, é a questão de uma representação indígena na Câmara de Vereadores, item amplamente apoiado e incentivado pelos peessedebistas, que consideram como uma possibilidade concreta, desde que com a união de todas as comunidades em torno de um nome, consenso entre todos.

reunião psdb 08A Comunidade indígena, por intermédio de suas lideranças, manifestaram total apoio a escolha de Josimar Gabriel Clementino, representante indígena, junto ao executivo municipal, que passou a ocupar o cargo de Assessor Municipal de Assuntos Indígenas. Josimar, demonstrando bastante desenvoltura e conhecimento de causa, colocou as necessidades e preocupações das comunidades, salientando as prioridades a serem atacadas de maneira mais urgente.

Um assunto de grande relevância, que foi exposto e encaminhado ao executivo, é o fato de no ano que vem (2016), será realizado em Sidrolândia, mais precisamente na Aldeia Córrego do Meio, o evento intitulado como “CONPLEI” (Conselho Nacional de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas), no período de 12 a 16 de outubro, onde são esperados cerca de 4.000 participantes de Mato Grosso do Sul e de outros estados e até mesmo de outros Países. Imediatamente o Prefeito Ari Basso colocou-se a disposição para que o executivo auxilie, dentro da legalidade e da disposição orçamentária, na organização do evento.

Uma das falas que recebeu apoio de todos. principalmente das Lideranças indígenas que acompanhavam o evento foi a do secretário geral do PSDB de Sidrolândia Cesar Luiz Assmam, o Di Cezar, que alertou para que  seja incluído no orçamento de 2016, uma verba para que a Assessoria Para Assuntos Indígenas possa receber recursos tanto do município quanto dos Governos Federal e Estadual. O ex vereador do PSDB, lembrou que desde o seu tempo no legislativo, já vinha reivindicando tanto a criação da coordenadoria, quanto da inclusão de verbas para os assuntos indígena no orçamento do município. Di Cezar considerou o encontro positivo e disse que a Administração Municipal está empenhada em resolver problemas antigos e crônicos.

Ilson Peres, vereador licenciado e atualmente ocupando o cargo de Secretário de Governo da Atual Administração Municipal, fez uma explanação da atual conjuntura socioeconômica, por que passa a nação e por consequência o Estado de Mato Grosso do Sul e o Município de Sidrolândia, apontando as dificuldades, mas, segundo ele, não deixando de acreditar em uma retomada de desenvolvimento. “Às vezes temos que retroceder um passo, para que possamos avançar no futuro”, concluiu Peres.

O Prefeito Ari Basso, ouviu atentamente a todas as colocações, fazendo suas ponderações em momentos e assuntos pontuais, mesmo sem fazer promessas, deixou um canal aberto, para futuras reuniões, agora mais acessível aos indígenas, pelo fato de contarem com um representante, em um órgão criado especialmente para atendê-los.

Dr. Marcelo, o anfitrião, ao encerrar o encontro, foi breve e incisivo em suas colocações, manifestou a satisfação pela grande participação, colocando a necessidade do poder público, em todas as esferas, de ouvir e, sempre que possível, atender as demandas das comunidades indígenas, mas que para isso os mesmos devem se manter unidos e com suas reivindicações e prioridades bem definidas. Marcelo Ascoli, destacou ainda, os avanços conquistados, mas concorda que há muito para se fazer colocando as parcerias, entre Governo Federal, Estadual e Municipal, como ponto chave para que os objetivos sejam atingidos.

“O encontro, com a grande adesão da comunidade indígena, foi muito proveitoso e dele fluíram muitas propostas que, se bem conduzidas, deverão encaminhar soluções, ou pelo menos melhorias nos pontos mais carentes daquelas comunidades”, concluiu Dr. Marcelo.

Deixe sua opinião

Comentários

Algum comentário?

%d blogueiros gostam disto: