São mantidos 74 pontos de protesto em rodovias federais e estaduais do MS

Segundo a polícia, a manifestação pode ocorrer se não houver bloqueio

A paralisação dos caminhoneiros deflagrada no início da semana em todo o país, atinge a marca de 74 pontos de protestos nas rodovias estaduais e federais de Mato Grosso do Sul. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), está garantido o direito de manifestação da categoria desde que não haja bloqueios ou qualquer tipo de interrupção no trânsito. Não há registro de intervenções policiais e o movimento segue pacífico no Estado.

Conforme balanço atualizado da PRF, na BR-262 os pontos de protesto se concentram em Anastácio, Campo Grande, Corumbá, Terenos e Três Lagoas. Na BR-163 são em Bandeirantes, Caarapó, Campo Grande, Coxim, Dourados, Eldorado, Naviraí, Rio Brilhante, Rio Verde de Mato Grosso, São Gabriel do Oeste e Sonora. 

Na BR-267 ficam em Bataguassu, Maracaju, Nova Alvorada do Sul e Guia Lopes da Laguna. Já na rodovia BR-060, os manifestantes então em Camapuã, Chapadão do Sul, Paraíso das Águas e Sidrolândia. Na BR-158, ficam em Brasilândia, Cassilândia, Paranaíba e Três Lagoas. 

Nas rodovias estaduais, segundo a Polícia Militar Rodoviária, os caminhoneiros estão parados em Naviraí, Maracaju, Sidrolândia, Iguatemi, Ipezal, Itaporã, Itahum, Paranhos, Rochedo, Sete Quedas, Aparecida do Taboado, Bonito, Dourados, Nova Andradina, Inocência, Cassilândia, Ponta Porã, Amambai, Paranaíba, Bela Vista, Deodápolis, Santa Rita do Pardo e Ivinhema, totalizando 36 pontos.

Por RENAN NUCCI – Correio do Estado

Foto: Valdenir Rezende

Algum comentário?

%d blogueiros gostam disto: