Só se compra voto com dinheiro sujo, que foi roubado de você mesmo!

Não se engane que existe candidato bonzinho, que distribui seu próprio dinheiro, o dinheiro que ele “dá”, ou já foi roubado em mandato anterior, ou será se ele se eleger.

As expressões “temos muito dinheiro para gastar” e “malas de dinheiro”, nada mais são do que a confissão de crimes, pois a justiça determina os valores a serem gastos em campanhas. De que adianta ter milhões, se para Sidrolândia o teto é de apenas R$ 422.000,00? Quem gastar acima disso, o fará transgredindo a lei e através de caixa dois, que na realidade é o dinheiro que deveria ser utilizado na saúde, na educação, na segurança, na infraestrutura, enfim, em tudo o que o cidadão teria direito, por lei, e que o poder público não oferece, pois bonzinhos usam esse dinheiro para comprar seu voto e se manterem no poder.

denuncie a compra de votosPara essas pessoas e para seus seguidores, “os parasitas de cargos públicos”, você não passa de “bujão de gás”, que eles só enxergam quando está vazio, colocando “cinquentão”, de quatro em quatro anos, para usá-los novamente.

Abram bem seus olhos e pensem bem, vale a pena virar manchete de noticiário por ser preso vendendo seu voto a um criminoso que não lhe dá valor?

A justiça estará de olho e qualquer um hoje tem um celular que filma, fotografa e grava áudios.

Seja reconhecido por sua honestidade, denuncie essa prática criminosa, que rouba sonhos e a dignidade de nosso povo, diga não a compra de votos e a favores políticos.

Algum comentário?